Empresa britânica transforma dejetos humanos em combustível de aviação

Uma empresa britânica chamada Firefly Green Fuels desenvolveu um combustível de aviação feito a partir de dejetos humanos. O CEO, James Hygate, afirma que o novo combustível, quimicamente idêntico ao querosene fóssil, tem uma pegada de carbono 90% menor.

Em colaboração com a Universidade de Cranfield, a equipe transforma fezes em um “bio-bruto” que se comporta como petróleo bruto. Testes independentes confirmaram a semelhança química com o querosene padrão.

Embora a produção em larga escala seja desafiadora, Hygate acredita que 10% da demanda legal de combustível sustentável de aviação poderia ser atendida com fezes. A empresa busca fundos para construir uma fábrica no Reino Unido, visando oportunidades globais.

O combustível sustentável é considerado crucial para descarbonizar a aviação, apesar de representar atualmente apenas 0,1% do total. Ambientalistas apoiam a abordagem baseada em esgotos, enquanto outros defendem redução do voo e uso de colheitas para alimentos ou energia.

Foto: BBC

 

 

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!