Mossoró tem primeiro caso de Monkeypox (a varíola dos macacos) confirmado

A Secretaria de Saúde de Mossoró confirmou nesta sexta-feira (05) o primeiro caso de Monkeypox (varíola dos macacos) no município. Segundo a secretaria o infectado é um homem de 48 anos com histórico de viagem recente a São Paulo e que está em casa, isolado e passa bem.

A Saúde informa no caso de qualquer suspeita, a população deverá procurar fazer os exames para detecção da doença na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Belo Horizonte. Em casos de complicações, o paciente deve ser levado para o Hospital Rafael Fernandes, unidade referenciada no interior do estado para atender esses casos.

Com o caso em Mossoró, o Rio Grande do Norte passa a quatro casos confirmados, sendo mais dois casos em Natal e outro em Parnamirim.

 

De acordo com a OMS, o vírus Monkeypox é transmitido principalmente por:

– Contato com secreções respiratórias ao falar, tossir ou espirrar;

– Contato físico próximo com pessoas contaminadas que apresentem sintomas;

– Contato com lesões e fluidos corporais;

– Contato com materiais de uso pessoal de alguém que está infectado, como roupa de banho, roupa de cama e talheres.

 

Para a maioria dos pacientes, os sintomas aparecem entre o 7° e o 17° dia após o contágio. Os sintomas clássicos são:

– Febre acima de 38,5°C;

– Fraqueza e mal-estar;

– Dor de cabeça;

Inchaço e dor nos gânglios (principalmente atrás da orelha e atrás da cabeça).

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!