Motorista de aplicativo preso em Mossoró pode ter usado o veículo em dois crimes

O motorista de aplicativo Daniel Berg Felipe da Silva, de 31 anos de idade, preso no final da noite desta quinta-feira (28), no bairro Itapetinga em Mossoró, pode ter utilizado o seu veículo tipo “Mobi” em pelo menos dois crimes nos últimos dias em Mossoró.

Segundo a Polícia, o primeiro crime teria ocorrido na Rua José Malaquias de Oliveira, na Favela do Fio, na noite de quarta-feira (27) e o segundo, na Avenida Antônio Viera de Sá, no bairro Nova Betânia, na noite de quinta-feira (28), onde foi vitimado o ex-presidiário Fabrício Antônio da Costa Leite, de 21 anos de idade, assassinado com vários tiros de pistola 380 e Ponto 40 ao circular numa motocicleta com a esposa e uma filha.

Ao ser preso, Daniel confirmou que estava dirigindo o veículo no momento que os criminosos atiraram a mataram Fabrício na Avenida Antônio Vieira de Sá, mas que teria sido obrigado por três criminosos que o sequestraram no final da tarde e o liberam por volta das 20h.

O motorista disse ainda que só conseguiu procurar ajuda por volta das 23h30min, quando foi abandonado pelos sequestradores às margens da RN 117, levando seu carro e uma carteira com todos os documentos e o celular. O carro, no entanto, foi encontrado abandonado a cerca de 200 metros do local onde Daniel Berg foi localizado.

Na sua residência a Polícia encontrou munições de pistola Ponto 40 e de revólver calibre 38 intactas. Outras duas munições de pistola 380, foram encontradas dentro do veículo. Daniel Berg Felipe da Silva, foi autuado em flagrante, acusado de participação no crime de homicídio e deverá ficar à disposição da Justiça na Cadeia Pública de Mossoró.

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!

Com informações do portal O Câmera.