Polícia Civil prende homem por invadir perfis nas redes sociais e por golpe do falso investimento

Nesta quarta-feira (20), policiais civis da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Patu), com apoio do 103° Distrito Policial (Itaquera/Cohab II) da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PCSP), deflagraram a “Operação Botnet”, que resultou no cumprimento de um mandado de prisão e um de busca e apreensão contra um homem, de 24 anos, envolvido em crimes cibernéticos. A prisão aconteceu na cidade de São Paulo/SP.

Segundo as investigações, o suspeito invadia perfis do Instagram e Facebook e passava a divulgar falsos investimentos com retorno financeiro imediato, através do pix. As investigações comprovaram que o infrator tinha dezenas de perfis nas redes sociais, com aplicação de golpes em vítimas de diversas unidades da federação.

As investigações tiveram início após uma denúncia realizada por uma vítima do município de Frutuoso Gomes/RN. O nome da “Operação Botnet” faz alusão a um ataque cibernético em que vários dispositivos de computador são invadidos e usados para realizar golpes e ciberataques.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

 

 

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!