Vereador Pablo Aires se pronuncia sobre investigação do MPT, negando casos de assédio moral em seu gabinete

O vereador Pablo Aires, alvo de investigação do Ministério Público do Trabalho (MPT) por supostos casos de assédio moral em seu gabinete, emitiu uma nota ontem. No comunicado, o parlamentar negou veementemente qualquer prática abusiva em seu gabinete. Em relação à chefia, afirmou que a função é exercida por uma profissional de Gestão de Recursos Humanos, qualificada e com mais de 10 anos de experiência. O vereador concluiu, reafirmando estar à disposição para esclarecimentos.

Confira a nota na íntegra :

O vereador Pablo Aires informa à sociedade, que confia nas Instituições para que os fatos que envolvem seu nome, sejam apurados e a verdade seja estabelecida. O vereador informa ainda que nunca houve e não admite nenhuma prática abusiva em seu gabinete. Sobre a chefia, ele afirma que a função é desempenhada por uma profissional de Gestão de Recursos Humanos, qualificada, com mais de 10 anos de experiência. Para finalizar, o vereador afirma que está à disposição.

Foto: Reprodução

 

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!