Carta Pela Democracia já ultrapassa 300 mil assinaturas em 48h – assine aqui

Lançada pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (ASP), às 17h da última terça-feira (26), a Carta Pela Democracia já reuniu mais de 300 mil assinaturas até o momento e deve ganhar uma versão em inglês ainda nesta quinta-feira (28), tendo em vista que, os Estados Unidos, depois do Brasil, são o segundo país com o maior número de acessos ao documento, seguido por Portugal, Reino Unido e Alemanha.

Personalidades como Chico Buarque, Roberto Setúbal, Ellen Gracie e Luiz Gonzaga Beluzzo, foram alguns dos primeiros nomes a aderir ao movimento e nas últimas horas, nomes como o da escritora e presidente interina da Academia Brasileira de Letras (ABL) Nélida Piñon, da atriz e imortal Fernanda Montenegro, dos ex-ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, Francisco Resek e Nelson Jobim e outros oito ex-ministros da Corte; dos cantores Gal Costa, Zélia Duncan, Maria Bethânia e Frejat; dos atores Antonio Calloni e Bruno Gagliasso; do cineasta Fernando Meirelles, dos escritores Luís Fernando Veríssimo, Martha Medeiros e Djamila Ribeiro; dos historiadores Eduardo Bueno e Lilia Schwarcz, também colocaram as suas assinaturas no manifesto.

Também endossam o texto, os empresários Walter Schalka, presidente da Suzano; Roberto Setúbal, ex-presidente do Banco Itaú; Natália Dias, CEO da Standard Bank; Pedro Moreira Salles, presidente do conselho de administração do Itaú Unibanco; Pérsio Arida, ex-presidente do BNDES e do Banco Central e Tarcila Ursini, conselheira de administração da EB Capital.

O site da Faculdade de Direito da USP também já registrou até esta quinta-feira mais de 2.300 tentativas de hackers, todos frustrados. “Tentam invadir o sistema e tentam principalmente derrubar o site. Pelo que soubemos, colocaram nosso site na deep web e estão incentivando as pessoas a derrubar o site por lá. Eles estão usando palavras de baixo calão, xingamentos, agressões, e tentam se inscrever por outras pessoas, para depois deslegitimar a lista”, disse o procurador-geral do Ministério Público de Contas de São Paulo, Thiago Pinheiro Lima, um dos organizadores da iniciativa.

 

Assine a Carta Pela Democracia AQUI.

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!