Comissão para elaborar o concurso público da Uern toma posse

Na última sexta-feira (10), a Comissão Central de Concurso Público de provas e títulos para provimento de cargos vagos de Docente, de Técnico de Nível Superior, Agente Técnico Administrativo, Agente Técnico Especializado, Instrutor de Língua de Sinais, Tradutor e Intérprete de Línguas e Instrutor Musical da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) tomou posse.

A comissão é formada pelos professores Isabel Cristina Amaral de Sousa Rosso Nelson (Presidente), Adonias Vidal de Medeiros Júnior, Sirleyde Dias de Almeidan e Francisco Chagas de Lima Júnior; os técnicos-administrativos Pedro Rebouças de Oliveira Neto, Taísa Cristianne Lopes de Melo, Janssen Klauss do Nascimento Dias e Xavier, Fábio Bentes Tavares de Melo, representante da categoria técnico-administrativa, indicado pelo Sintauern; e  Erika Fernandes Benjamim, representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção de Mossoró.

Caberá à Comissão Central de Concurso Público decidir sobre as questões relativas à aplicação do Concurso Público, podendo praticar todos e quaisquer atos para a realização efetiva do certame, devendo todas as medidas adotadas serem em conformidade com a Legislação em vigor. Além disso, a comissão fará todo o acompanhamento e fiscalização das atividades de todo o processo para realização do certame.

Para a presidente da Comissão do Concurso Público, Isabel Amaral, é uma alegria e uma responsabilidade muito grande conduzir o processo de trabalho para a realização do concurso público. “O nosso projeto é muito maior do que fazer processo seletivo, estamos lidando com sonhos dos candidatos e seus familiares. Por isso, estamos empenhados e vamos trabalhar com muito amor para fazer um ótimo concurso”, declara.

A reitora Cicília Maia, que foi presidente da comissão do concurso público de 2016, agradeceu o compromisso de cada um que faz parte da comissão pelo envolvimento para fazer um concurso muito exitoso. “A expectativa para esse concurso é muito grande. É uma oportunidade de chegar à Universidade como servidor”, declara.

Ela lembra que no último certame em 2016, foram mais de 12 mil inscritos. “Acredito que esse próximo concurso irá superar o número de inscrições”, afirma. O concurso de 2016 ofereceu 116 vagas, no entanto ao longo do período de validade do certame foram convocados mais de 500 servidores, entre professores e técnicos-administrativos.

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!