Concurso ALRN: banca organizadora assina contrato e edital pode sair no próximo dia 21

Foi publicado nesta terça-feira (14), o extrato da dispensa de licitação, que traz a assinatura do contrato com o organizador do novo concurso Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), o Instituto AOCP. Desta forma, o edital da seleção pode ser publicado na data prevista pela Casa (21 de junho).

Como antecipado pelo presidente da Comissão Especial do concurso público, o procurador-geral da Assembleia, Sérgio Freire, com o contrato assinado será feita uma reunião para a aprovação da minuta do edital, sua publicação prevista para o dia 21 deste mês e a aplicação das provas em setembro, com previsão de 47 vagas, nos cargos de técnico e analista.

As oportunidades para o cargo de técnico legislativo, de nível médio e com ganhos de R$ 4.468,16, serão nas seguintes especialidades:

Apoio Administrativo (nível médio) – treze vagas;

Contabilidade (nível médio e certificado de curso profissionalizante correlato) – três vagas;

Edificações (nível médio e certificado de curso profissionalizante correlato) – uma vaga;

Tecnologia da Informação (nível médio e certificado de curso profissionalizante correlato) – cinco vagas;

Tecnologia de Sistema (nível médio e certificado de curso profissionalizante correlato) – uma vaga.

 

O cargo de analista, por sua vez, exigirá o nível superior e terá ganhos iniciais de R$ 8.338,64. As vagas serão distribuídas da seguinte forma:

Processo Legislativo (nível superior em qualquer área) – dez vagas;

Arquitetura (graduação em Arquitetura) – uma vaga;

Contabilidade (graduação em Contabilidade) – três vagas;

Engenharia Civil (graduação na área) – uma vaga;

Engenharia Elétrica (graduação na área) – uma vaga;

Medicina (graduação em Medicina e especialização em Cardiologia) – uma vaga;

Administração (graduação na área) – três vagas;

Tecnologia da Informação (graduação na área ou qualquer curso superior com pós-graduação em TI) – quatro vagas.

Além dos ganhos iniciais, ambos receberão o auxílio-alimentação de R$ 1.400 mais o auxílio saúde de R$ 500.

 

Sobre as cotas para pessoas negras, a comissão do concurso acatou a recomendação em cumprimento à Lei Estadual 11.015/2021, sancionada no fim do ano passado e que trata sobre a garantia de 20% das vagas para a população negra.

Outro encaminhamento da Comissão é que não haverá ampliação do número de vagas previstas no concurso. A equipe também definiu que haverá provas em Pau dos Ferros, para atender aos candidatos residentes nas regiões Oeste e Alto Oeste.

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!