Corregedoria afasta três servidores do presídio federal de Mossoró após fuga inédita

A corregedora geral da Secretaria Nacional de Políticas Penais (Senappen), Marlene Inês da Costa, determinou o afastamento cautelar de três servidores do Presídio Federal de Mossoró após a inédita fuga dos detentos Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral, ocorrida na madrugada da última quarta-feira (14).

Os servidores, responsáveis pelas áreas de inteligência, segurança e administração da unidade, permanecerão afastados das funções durante a conclusão das investigações. Eles continuarão exercendo as atribuições atinentes ao cargo de agente federal de execução penal.O diretor da penitenciária também está suspenso de suas funções.

O policial penal Carlos Luis Vieira Pires, servidor de carreira, foi designado interinamente para assumir a direção do presídio, conforme decisão do ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski.

Nesta quarta-feira (21), as buscas por Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral entram no oitavo dia.

Foto: Reprodução

 

 

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!