Servidores da Caern transformam materiais recicláveis em facilitadores no ambiente de trabalho

Um ambiente mais sustentável e consciente e, de quebra, que agrega facilidades ao trabalho. É assim que colaboradores da Estação de Tratamento de Água (ETA) Jiqui da Caern vêm se destacando com práticas de reciclagem em suas operações, além de muita criatividade.

Itens que iam para o lixo se transformaram em facilitadores no dia a dia como porta capacete feito com tubos e conexões ressecadas, porta copo descartáveis, dispenser de álcool em gel, mesa de carretel, porta celular feito com tubos, suporte bacteriológico e suporte para bomba dosadora em PVC que, devido ao poder de oxidação do desinfectante, não tinham durabilidade.

A iniciativa tem conquistado resultados significativos, tornando-se cada vez mais um exemplo inspirador para toda a empresa. De forma espontânea, um pequeno grupo de operadores começou a questionar como poderiam contribuir mais ativamente para a preservação do meio ambiente, dentro da empresa. Essa inquietação foi o pontapé inicial para dar início a vários projetos com reaproveitamento de materiais recicláveis. A ideia ganhou força e apoio da gestora Isabela Pereira, que é química na Caern.

‘’São ações simples que despertam a criatividade dos funcionários do setor. Juntos, eles somam as opiniões e procuram executar a melhor versão de algo que seja bem aproveitado no setor. As utilizações e criações surgem da necessidade do próprio setor’’, explica Isabela.

Despertar para a Sustentabilidade e Economia

Um dos responsáveis pelo projeto é o operador Wanderley Dantas, que está na empresa há 9 anos. Segundo ele, uma das suas motivações é poder criar algo novo e que possa ser útil para a rotina de trabalho. ‘’Em nosso setor, a reciclagem surge de forma espontânea quando necessitamos de algo para facilitar nosso trabalho’’, diz. ‘’Observamos que aquele material não mais utilizado na empresa poderia ser útil ao setor, sendo reaproveitado’’, complementa Joailson dos Santos, outro operador que faz parte da iniciativa.

Todo o material utilizado na reciclagem e criação das peças é fornecido pela Caern. Adotar a prática da reciclagem tem sido uma importante aliada na economia. Uma das principais contribuições para a Caern é a economia, já que a intenção é ‘’aproveitar materiais da empresa que não tinham utilização, dando um destino melhor para o descarte’’, lembra Otácio Gonçalves, que trabalha na empresa desde 2014 e também integra a equipe da ação.

Multiplicando a inspiração Além dos Muros

O projeto dos funcionários ultrapassa as instalações da empresa. O entusiasmo e o compromisso com a reciclagem foram passadas para as famílias e comunidades desses operadores, que adotaram práticas sustentáveis também em suas residências, contribuindo para a propagação de um estilo de vida mais consciente e sustentável.

Para Wanderley Dantas, a prática no ambiente de trabalho incentiva ‘’um olhar mais crítico sobre aquilo que nos rodeia e que descartamos como lixo nas nossas casas’’. A história dos operadores da Caern que abraçaram a reciclagem demonstra como pequenas ações individuais podem se tornar uma poderosa força coletiva para a preservação do meio ambiente, e são exemplo de como empresas e colaboradores podem trabalhar juntos, rumo a um futuro mais sustentável para o planeta.

 

__________________

ACOMPANHE MAIS DA PROGRAMAÇÃO DA RÁDIO DIFUSORA DE MOSSORÓ (AM 1170)  aqui.

© DIFUSORA – A FALA DO POVO!